Digital Max Santos comemora o Dia Mundial da Conscientização do Autismo

O Dia Mundial da Conscientização do Autismo, ou simplesmente Dia Mundial do Autismo, foi comemorado no último domingo dia 2 de Abril. A data serve para ajudar a conscientizar a população mundial sobre o Autismo, que é um distúrbio neurológico caracterizado por comprometimento da interação social, comunicação verbal e não-verbal e comportamento restrito e repetitivo. AZUL”cor símbolo do autismo” serve para chamar a atenção da sociedade para esta data.

Maby e Duda

Maby e Duda


Com essa ideia de conscientizar as pessoas, nós, funcionários da Digital Max Santos, no último dia 01 de abril vestimos Azul, pois em nossas escolas temos alunos com Transtorno do Espectro Autista (TEA).
No dia 02 Domingo, aconteceu também uma passeata na orla da Praia de santos em frente a lagoa do sapo, muitas pessoas com blusas, balões, cartazes e acessórios azuis para chamar atenção da população e afastar cada vez mais o preconceito. No final da caminhada teve show na concha acústica de Santos para as crianças e Adultos.
Conhecemos a Duda , um exemplo pra nós!
Ela é filha da Dryelli funcionária da Digital Max e ela nos contou um pouco sobre a história da Duda e como ela lida com TEA.

Equipe da DMx Santos

Equipe da DMx Santos


“O dia amanheceu azul. A Maria Eduarda, Duda ou Maroca como é carinhosamente chamada pela família, é uma menina com muita energia, bastante criativa e gosta muito de dançar.
Duda diz que será uma linda bailarina e que está treinando na escola junto com as amiguinhas.
Descobrir que a Maria Eduarda tem TEA (Transtorno do Espectro Autista) me deixou com medo do futuro dela.Como toda mãe, tenho medo que se um dia algo acontecer comigo  a pessoa que for criá-la não tenha a mesma paciência e compreensão que tenho. Lidar com a Duda exige muita paciência e tem horas que choro porque já não sei o que fazer para acalmá-la.
Mudar a rotina deixa ela um pouco perdida achando que tudo é mentira.
Duda não gosta de alguns alimentos e precisa estar tudo separado pra que ela consiga identificar  o que tem no prato.
Ela também apresenta retardo no fala, mas consegue  se comunicar, algumas vezes pedimos que ela repita o que falou porque não conseguimos entender direito.
As crises de nervo são constantes e é  o que mais me deixa desesperada, pois quero acalmá-la logo e muitas vezes não consigo.
A ansiedade e barulhos como fogos e trovões  fazem a Maria entrar em desespero e acalmá-la não é  fácil.Vamos iniciar o tratamento com terapia ocupacional e fonoaudióloga e espero que ela consiga evoluir.
Ela vive uma vida normal, adora os amiguinhos que tem e fica isolada apenas quando está chateada. O pior de tudo é  algumas pessoas não aceitarem que ela tem TEA e chamarem as  limitações dela de birras e falta de educação, eu sei o quanto é  difícil pra ela passar por algumas situações, mas sei que juntas vamos lutar por uma vida normal.”


Confira como foi nosso Dia com a pequena.
– menos preconceito e mais informações!💙

 

 

Por Maby Silva, CFW de Santos.